Terceira Live: Ensinamento e atuação de Padre Nelito Dornelas segundo seus amigos e amigas

483

Amigos e amigos, estamos cuidando do legado espiritual, ético, pastoral, teológico, profético e humano do nosso querido padre Nelito Dornelas, que marcou quem o conheceu com seus ensinamentos e testemunhos, carinho, alegria, comprometimento com o Evangelho de Jesus Cristo, na convivência fraterna e na luta por vida digna para todos/as. Amigos e amigas estão gravando pequenos vídeos sobre o que mais lhe marcou na sua convivência, desafios, alegrias e lutas ao lado do Padre Nelito. Para continuidade de seu legado, vamos realizar uma série de lives, uma por mês, dia 3 de cada mês.

Sob mediação de Frei Gilvander Moreira e Leoni Alves Garcia, a 3ª live será dia 03/5/2021, segunda-feira, das 18H00 às 19H30, nos 90 dias da partida de Nelito para a vida plena. A transmissão sobre via YOUTUBE, em 2 canais: 1) Frei Gilvander luta pela terra e por direitos; 2) CEBs de Minas , e pelo Facebook: CPT-MG , CEBs de Minas, CEBs do Brasil, Frei Gilvander Luís Moreira, Cáritas-MG e por várias outras páginas em Transmissão cruzada.

Nesta 3ª Live teremos a participação de: 1) Cláudio Paulo Hernandes, do Paraná; 2) Paulo Almeida, padre de Governador Valadares; 3) Reinaldo Barberine, da CPT, de Muriaé, MG; 4) Ederson Queiroz, padre da Arquidiocese de Uberaba; 5) Sônia Dornelas, irmã do padre Nelito; 6) Manoel Godoy, padre da arquidiocese de BH; 7) Nilson, das CEBs de Taiobeiras e Montes Claros; 8) Graça Ferreira, do Nordeste 4 – Arquidiocese de Teresina, Piauí; 9) João Santiago, do Regional Sul 2 – Paraná; 10) Noranei Dornelas, irmã do Padre Nelito; 11) José César, de Conselheiro Lafaiete, MG; 12) Marco José, padre de João Monlevade, MG; e 13) Jose de Anchieta Moura Lima, padre de Juiz de Fora, MG.

Padre Nelito Nonato Dornelas, aos 58 anos, partiu para a vida em plenitude, dia 03 de fevereiro de 2021, se tornando uma das mais de 400 mil vítimas não apenas da pandemia do novo coronavírus, mas principalmente mártir da política de morte (necropolítica) genocida do desgoverno federal. Padre Nelito, irmão de luta na Comissão Pastoral da Terra (CPT), em Minas Gerais, assessor das Comunidades Eclesiais de Base (CEBs), das Pastorais Sociais e de Movimentos Sociais Populares. Nelito foi o coordenador do XI Intereclesial das CEBs, na Diocese de Itabira e Cel. Fabriciano, em 2011. Morou em Brasília, onde trabalhou como assessor da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) durante muitos anos na área social e do compromisso com os pobres, foi coordenador Diocesano da Pastoral da Criança. Como integrante da Comissão de Meio Ambiente da Província Eclesiástica de Mariana (das quatro dioceses da Bacia do Rio Doce, crucificada pelo crime/tragédia da Vale e do Estado), Padre Nelito foi imprescindível na preparação e realização de cinco Romarias das Águas e da Terra da Bacia do Rio Doce. Padre Nelito participava do Grupo de Padres da Caminhada sob a inspiração do irmãozinho Charles de Foucault. Padre Nelito assessorou muitos grupos de Fé e Política, Curso de Inverno no Vale do Aço e peregrinou por todo o Brasil, contribuindo muito no processo de formação das Comunidades Eclesiais de Base. Padre Nelito militava também na Cáritas Brasileira Regional MG. Padre Nelito contribuiu muito com a Comissão Pastoral da Terra em MG. Conosco preparou e realizou quase todas as 22 Romarias das Águas e da Terra do estado de Minas Gerais. Nelito fortaleceu a luta pela terra na região do Vale do Rio Doce. Assessor Nacional da CNBB, Padre Nelito conduziu com muito afinco a 5ª Semana Social Brasileira que teve um importante papel no debate sobre o Estado que temos e o Estado que queremos. Foi bom formador, bom professor, bom assessor dos movimentos sociais, presidente da Cáritas diocesana, entre outras funções na Igreja e na luta pela causa dos pobres.

Participe e convide amigos/as!!! https://www.youtube.com/watch?v=42vDg-1iUYM

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui