Roteiro e reflexão do 4º Domingo da Quaresma

634

Elaboração: Vasco Lagares – Diocese de Itabira/Coronel Fabriciano

Reflexão bíblica: Padre José Luis Gonzaga do Prado – Diocese de Guaxupé

4º DOMINGO DA QUARESMA

REFRÃO

“Mesmo as trevas, não são trevas para ti. A noite é luminosa como dia”.

 

Ani. Irmãos e irmãs, Neste domingo, somos chamados a refletir um pouco mais sobre o nosso Batismo. Se com o Evangelho da samaritana, no domingo passado, vimos como Cristo se torna para nós água viva, hoje Ele se revela como a luz do mundo. Sua ação libertadora nos convida a iluminar as diversas situações de trevas que nos cercam. Somos convidados a vivermos como filhos da Luz. É neste sentido que se faz necessário revermos nosso comportamento diante dos caídos que encontramos ao longo do caminho. Não basta apenas vê-los, é necessário descer de nossa montaria, cuidar deles, nos comportamos efetivamente como ungidos por Cristo para superar todo o mal. Assim, percorrendo este verdadeiro itinerário catecumenal, promovamos ações em defesa  e promoção da vida, cantando.

 

RITOS INICIAIS

 

CANTO DE ENTRADA

Juntos como irmãos,

membros da Igreja,

vamos caminhando,

vamos caminhando,

juntos como irmãos,

ao encontro do Senhor!

 

  1. Somos povo que caminha

num deserto como outrora,

lado a lado sempre unido,

para a Terra Prometida.

 

  1. Na unidade caminhemos:

foi Jesus quem nos uniu.

Nosso Deus hoje louvemos:

seu amor nos reuniu.

 

  1. A Igreja está em marcha:

a um mundo novo vamos nós,

onde reinará a paz,

onde reinará o amor.

 

ACOLHIDA E SAUDAÇÃO

PR: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo.

ASS: Amém

PR: A graça e a paz de Deus nosso Pai, o amor de Jesus Cristo pela ação do Espírito Santo estejam sempre convosco

ASS: Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo.

 

Quem preside faz a acolhida e em breves palavras introduz o sentido da celebração. Neste domingo é bom lembrar as nossas ações enquanto batizados que promovem e defendem a vida. Onde precisamos ser luz? Citar ações concretas da comunidade.

 

ATO PENITENCIAL

Irmãos e Irmãs, de coração contrito e humilde, aproximemo-nos do Deus justo e santo, para que tenha piedade de nós pecadores.. Silêncio

PR:Senhor, que fazeis passar da morte para a vida quem ouve a vossaPalavra, tende piedade de nós.

  1. Senhor, tende piedade de nós.

PR:O Cristo, que quisestes ser levantado da terra para atrair-nos a vós,tende piedade de nós.

  1. Cristo, tende piedade de nós.

PR:Senhor, que nos submetestes ao julgamento da vossa Cruz, tende piedade de nós.

  1. Senhor, tende piedade de nós

PR: Deus de ternura e misericórdia tenha compaixão de nós, perdoe os nossos pecados, e nos conduza à vida eterna. Ass: Amém.

 

ORAÇÃO DO DIA

  1. OREMOS: Ó Deus, quepor vosso Filho realizais de modoadmirável a reconciliação do gênero humano, concedei ao povo cristão correr ao encontro das festasque se aproximam, cheio de fervore exultando de fé. Por nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo. T. Amém.

LITURGIA DA PALAVRA

 

PRIMEIRA LEITURA –1Sm 16, 1b.6-7.10-13a

Do Primeiro Livro de Samuel.

 

SALMO – 22(23)

Refrão: O Senhor é o pastor que me conduz;não me falta coisa alguma.

 

SEGUNDA LEITURA –  Ef 5,8-14

Da Carta de São Paulo aos Efésios.

 

ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO

Louvor e glória a ti, Senhor, / Cristo, Palavra, Cristo, Palavra, / Cristo, Palavra de Deus!

Pois, eu sou a luz do mundo, quemnos diz é o Senhor; e vai ter a luz davida quem se faz meu seguidor!

 

EVANGELHO – Jo 9,1-41

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João.

HOMILIA

A Realidade

Frequentemente a pessoa que muda de filiação religiosa ou política sente-se como quem mudou de guia. Era guiado por uns, agora será guiado por outros.

Quando não é a um dirigente político ou religioso que a pessoa segue como um cego a seu guia, é ao que diz a televisão. Há pouco, num evento cultural no Rio de Janeiro, um roteirista da Globo disse que, quando o comando reúne roteiristas, diretores, autores, sempre começa dizendo: “Está na hora de emburrar todo o mundo!”.

A Palavra

O Evangelho de hoje inúmeras vezes diz que o homem era cego de nascença. Nasceu cego,foi sempre guiado por outros.

Os fariseus, que se consideravam os guias, não querem perder o seu cego, não querem admitir que Jesus lhe tenha aberto os olhos ou, então, que abrir os olhos aos cegos seja coisa de Deus. Eles é que sabem, eles sabem tudo.

Mas o Batismo é uma iluminação, tornar-se cristão é abrir os olhos, é enxergar por si mesmo, é dispensar os guias. Jesus unge os olhos do cego com o barro feito da saliva de sua boca e do pó do chão. Lavado na água do “enviado”, quem era cego começa a enxergar por si mesmo.

O barro lembra a criação do ser humano. Abrir os olhos faz que a pessoa seja mais gente, cria novamente o ser humano.

O cego, agora, enxerga melhor do que seus antigos guias. Diz-lhes: “É de espantar os senhores não saberem de onde é este homem!”. Os fariseus que diziam enxergar, saber tudo, ser os guias, agora são os cegos e permanecem no seu pecado.

O antigo cego vê Jesus e reconhece nele o Ser Humano, o Filho do Homem, o Enviado de Deus, chama-o de Senhor e diante dele se ajoelha.

A narrativa da escolha do menino Davi para ser o rei de Israel (1ª. L.) mostra que Deus enxerga diferente de nós. Vemos as aparências, Deus vê o interior, o fundo das pessoas.

O Mistério

Para participar efetivamente da Eucaristia é preciso ver, enxergar, ver e enxergar o que está por trás desses sinais. Não preciso de paramentos chiques nem de ostensório caríssimo para aumentar a minha fé. Preciso apenas ser capaz de, naquele pedacinho de pão erguido acima de um modesto cálice, enxergar a morte, a separação do corpo e do sangue, que tira o pecado do mundo, que liberta a humanidade, enredada na cobiça.

PROFISSÃO DE FÉ

 

PRECES DA ASSEMBLÉIA

PR.Irmãos e irmãs, elevemos nossaspreces a Deus Pai, que iluminou omundo com a luz de Cristo. Reze- mos juntos: Iluminai-nos, Senhor, com a luzda fé.

ASS.Iluminai-nos, Senhor, com a luzda fé.

  1. Pelo Papa Francisco, por nossa Igreja Particular, para que, seguindo o exemplo de Jesus, Luzes para o mundo possam ser fiéis a sua missão de Evangelizar, promovendo e defendendo a vida, ameaçada desde sua gestação até o seu fim natural, rezemos com fé.
  2. Por nossa Comunidade, para que nesta Quaresma da fraternidade, façamos uma revisão de nossa caminhada enquanto batizados, e possamos viver o verdadeiro sentido do batismo, rezemos com fé.
  3. Pelos mais fracos e vulneráveis, para que encontrem nos cristãos e cristãs, pessoas de boa vontade e que os acolham e promova em sua diginidde de filhos e filhas de Deus, rezemos com fé.
  4. Nestes dias, em que vivenciamos estes momentos de duvidas e incertezas em relação a pandemia do covid 19, possamos viver a fraternidade e a solidariedade com os mais vulneráveis, rezemos com fé.

 

Façamos em dois coros a Oração da Campanha da Fraternidade 2020

Homens:Deus, nosso Pai, fonte da vida e princípio do bem viver,criastes o ser humano e lhe confiastes o mundo como um jardim a ser cultivado com amor.

Mulheres:Dai-nos um coração acolhedor para assumir a vida como dom e compromisso.Abri nossos olhos para ver as necessidades dos nossos irmãos e irmãs, sobretudo dos mais pobres e marginalizados.

Homens:Ensinai-nos a sentir a verdadeira compaixão expressa no cuidado fraterno, próprio de quem reconhece no próximo o rosto do vosso Filho.Inspirai-nos palavras e ações para sermos construtores de uma nova sociedade, reconciliada no amor.

Mulheres:Dai-nos a graça de vivermos em comunidades eclesiais missionárias, que, compadecidas, vejam, se aproximem e cuidem daqueles que sofrem,a exemplo de Maria, a Senhora da Conceição Aparecida, e de Santa Dulce dos Pobres, Anjo Bom do Brasil.

Todos. Por Jesus, o Filho amado, no Espírito, Senhor que dá a vida. Amém!

 

Ani. Tendo participado da mesa da Palavra, participemos agora da mesa da Eucaristia, façamos nossa oferta material.

 

CANTO DAS OFERTAS

  1. Sê bendito, Senhor, para sempre /

pelos frutos das nossas jornadas! /

Repartidos na mesa do reino /

anunciam a paz almejada!

Senhor da vida, tu és a nossa salvação! /

Ao prepararmos a tua mesa,

em ti buscamos ressurreição!

  1. Sê bendito, Senhor, para sempre /

pelos mares, os rios e as fontes! /

Nos recordam a tua justiça / que nos

leva a um novo horizonte!

  1. Sê bendito, Senhor, para sempre /

Pelas bênçãos qual chuva torrente! /

Tu fecundas o chão desta vida / Que

abriga uma nova semente.

 

LOUVAÇÃO E AÇÃO DE GRAÇAS

Enquanto o Ministro da Sagrada Comunhão traz o Pão consagrado e coloca sobre o altar, pode se entoado um canto de louvação

Em seguida o Presidente continua..

 

PR.O Senhor esteja com vocês.

Ass. Ele está no meio de nós!

PR.Demos graças ao Senhor, nosso Deus.

Ass. É nosso dever e nossa salvação!

PR.É um prazer para nós Pai de bondade, te louvar e te adorar. Tu nos dás a cada ano a graça de esperar com alegria a santa Páscoa. De coração purificado, entregues à oração e à prática do amor fraterno, preparamo-nos para celebrar os mistérios pascais, revendo nossa caminhada neste mundo, queremos seguir fielmente as promessas que fizemos em nosso batismo.

Ass. Glória a ti, Senhor, Luz do mundo!

 

PR.Relembrando de Jesus que muitas vezes reuniu-se com os seuspara comer e beber, revelando que o teu reino havia chegado,nós também nos alegramos com ele em nossa mesa, para qual chamastes a todos e todas.Colocamos-nos a serviço daqueles que nada possuem e queremos nos fazer próximos deles.

Ass. Glória a ti, Senhor, Luz do mundo!

 

PR.Derrame sobre nós o teu Espírito, renove em nós nossa determinação de viver o Vosso Evangelho de vida, recebe o louvor de todo o universo e de todas as pessoas que te buscam, para que possamos realizar em nosso mundo as obras que nos ensinastes.

Ass. Glória a ti, Senhor, Luz do mundo!

 

PR.Toda a nossa Louvação hoje chegue a Ti, em nome de Jesus, por quem oramos com as palavras que ele no ensinou:

AS: Pai Nosso…

 

RITO DE COMUNHÃO

MESC: Quem vem a mim nunca mais terá fome e o que crê em mim nunca mais terá sede.  Eis o cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!

 

AS: Senhor, eu não sou digno(a)…

 

CANT0 DE COMUNHÃO

Eu vim para que todos tenham vida

Que todos tenham vida plenamente

Eu vim para que todos tenham vida

Que todos tenham vida plenamente

 

Reconstrói a tua vida em comunhão com teu Senhor

Reconstrói a tua vida em comunhão com teu irmão

Onde está o teu irmão, eu estou presente nele

 

Eu vim para que todos tenham vida

Que todos tenham vida plenamente

Eu vim para que todos tenham vida

Que todos tenham vida plenamente

 

Eu passei fazendo o bem, eu curei todos os males

Hoje és minha presença junto a todo sofredor

Onde sofre o teu irmão, eu estou sofrendo nele

 

Eu vim para que todos tenham vida

Que todos tenham vida plenamente

Eu vim para que todos tenham vida

Que todos tenham vida plenamente

 

Entreguei a minha vida pela salvação de todos

Reconstrói, protege a vida de indefesos e inocentes

Onde morre o teu irmão, eu estou morrendo nele

 

Eu vim para que todos tenham vida

Que todos tenham vida plenamente

Eu vim para que todos tenham vida

Que todos tenham vida plenamente

 

Vim buscar e vim salvar o que estava já perdido

Busca, salva e reconduze a quem perdeu toda a esperança

Onde salvas teu irmão, tu me estás salvando nele

 

Eu vim para que todos tenham vida

Que todos tenham vida plenamente

Eu vim para que todos tenham vida

Que todos tenham vida plenamente

 

Eu vim para que todos tenham vida

Que todos tenham vida plenamente

Eu vim para que todos tenham vida

Que todos tenham vida plenamente

 

ORAÇÃO DEPOIS DA COMUNHÃO

PR.: OREMOS: Ó Deus, luz detodo ser humano que vem a estemundo, iluminai nossos coraçõescom o esplendor da vossa graça,para pensarmos sempre o que vosagrada e amar-vos de todo o coração. Por Cristo, nossoSenhor. T. Amém.

 

AVISOS

BENÇÃO FINAL

PR.O Senhor esteja convosco.

Ass: Ele está no meio de nós.

PR.Deus, Pai de misericórdia, conceda a todos vós, como concebeu ao filho pródigo, a alegria do retorno à casa.

Ass: Amém.

PR.O Senhor Jesus Cristo, modelo de oração e de vida, vos guie nesta caminhada quaresmal a uma verdadeira conversão.

Ass: Amém.

PR.O Espírito de sabedoria e fortaleza, vos sustente na luta contra o mal, para poderdes com Cristo celebrar a vitória da Páscoa.

Ass: Amém.

PR.Abençoe-vos Deus todo-poderoso, Pai e Filho + e Espírito Santo.

Ass: Amém.

PR.Ide em paz e que o Senhor vos acompanhe.

Ass. Graças a Deus

CANTO FINAL

  1. Deus de amor e de ternura contemplamos / este mundo tão bonito que nos deste. / Desse Dom, fonte da vida, recordamos: cuidadores,/ guardiões tu nos fizeste.

Peregrinos, aprendemos nesta estrada / o que o “bom samaritano” ensinou: / Ao passar por uma vida ameaçada, / Ele a viu, compadeceu e cuidou.

  1. Toda vida é um presente e é sagrada, / seja humana, vegetal ou animal./ É pra sempre ser cuidada e respeitada,/ desde o início até seu termo natural.
  2. Tua glória é o homem vivo, Deus da Vida; / ver felizes os teus filhos, tuas filhas;/ é a justiça para todos, sem medida; / É formarmos, no amor, bela Família.
  3. Mata a vida o vírus torpe da ganância, / da violência, da mentira e da ambição. / Mas também o preconceito, a intolerância. / O caminho é a justiça e conversão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui